Qual a diferença entre fórmula infantil e composto lácteo?

Qual a diferença entre fórmula infantil e composto lácteo?

Sabemos que leite materno é vida, e claro, o alimento mais completo para nosso filho. Mas por diversos motivos, alguns bebês acabam precisando da fórmula infantil em sua alimentação. Como por exemplo, mães que não tiveram leite suficiente, bebês que nasceram prematuros, mães de gêmeos e múltiplos que não conseguiram amamentar exclusivamente seus bebês com o seu leite materno, etc.

As prateleiras dos supermercados e farmácias dispõe de diversas opções, umas mais caras, outras bem mais em conta, e quando você lê a embalagem algumas mostram que o produto se trata de FÓRMULA INFANTIL, enquanto outras COMPOSTO LÁCTEO.

E ai bate aquela dúvida: qual a diferença entre fórmula infantil e composto lácteo?

Quer saber qual a diferença entre os dois tipos de leites? Me acompanhe neste artigo.

Leia também:

Qual é a real diferença entre fórmula infantil e composto lácteo?

Vamos começar pela faixa etária ok? Seu bebê tem menos de 01 ano? Então o indicado para ele seria uma fórmula infantil, mas por quê?

Essas fórmulas têm uma semelhança física com leite em pó, mas a diferença é que são feitos e enriquecidos a base de diversos nutrientes que o bebê precisa como, ácidos graxos, vitaminas, minerais etc.

Ele vem para COMPLEMENTAR a alimentação da criança ou SUBSTITUÍ-LA. Não são leites, são fórmulas lácteas para auxiliar no crescimento e desenvolvimento do seu bebê.

Deve ser usado apenas em caso de recomendação do Pediatra, já que fórmulas infantis são usadas para aquelas crianças que possam ter alguma dificuldade na ingestão de leite. Lembrando que também cada lata de fórmula infantil é atribuída a uma faixa etária, já contendo a quantidade correta de nutrientes para cada fase do seu bebê.

diferença entre fórmula infantil e composto lácteo, bebê
Foto: Freepik

E qual a diferença entre fórmula infantil e composto lácteo então?

A maior diferença entre os dois, é que o composto lácteo possui açúcar e a fórmula infantil não. O composto lácteo não pode ser considerado leite já que é ultra processado e não possui em sua totalidade leite, apenas 51% da sua composição. O que integra o restante são probióticos e óleos vegetais que ajudam no intestino da criança.

Como dissemos anteriormente, a fórmula infantil não tem em sua composição açúcar e o composto lácteo sim, mais precisamente o xarope de milho.

Esse açúcar pode acabar viciando a criança e modificar seus hábitos alimentares e por isso a recomendação dos pediatras para JAMAIS SEREM CONSUMIDOS por bebês menores de 01 ano e sim a partir de 02 anos, onde o sistema intestinal já está desenvolvido o suficiente.

É claro que sempre devemos lembrar, que o leite ideal para seu bebê é o seu, mas sabemos que nem sempre isso e possível e por isso viemos te explicar a diferença entre fórmula infantil e composto lácteo. Mas a partir de 01 ano, a criança com o suporte do pediatra pode e deve experimentar outros tipos de leite para que crie uma alimentação mais balanceada e um bom desenvolvimento.

Um pouco sobre o leite de vaca e o leite em pó integral

Até o leite de vaca é recomendado em alguns casos, onde o bebê já possui uma flora intestinal capaz de absorver todas as proteínas do leite, evitando assim algumas possíveis alergia e hemorragias pequenas.

Ainda existem aquelas mães que optam pelo leite em pó, veja que isso também não é 100% leite já que é seu processo de desidratação e pode contar outros compostos em sua composição, por isso opte por aqueles que tenham em sua base somente compostos de leite. 

Mas lembre-se que esses leites também não são indicados para crianças com menos de 1 ano de idade.

Conclusão

É importante falarmos sobre a diferença entre fórmula infantil e composto lácteo para poder oferecer o alimento correto de acordo com a idade dos nossos filhos.

Gostou mamãe? aproveita e compartilha com as suas amigas para que elas também consigam entender a diferença entre esses dois tipos de “leites”.

Deixe seu comentário

Tags: