É possível descobrir o sexo dos gêmeos através da sexagem fetal?

É possível descobrir o sexo dos gêmeos através da sexagem fetal?

Após a descoberta da gestação gemelar, é natural que pai e mãe tenham curiosidade em saber qual será o sexo dos bebês.

No caso dos gêmeos univitelinos (idênticos), podem ser 2 meninos ou 2 meninas. Mas quando se trata dos bivitelinos (diferentes), podem ser dois meninos, duas meninas ou um casal de gêmeos.

No início da gravidez, alguns médicos até “arriscam” falar sobre o sexo dos bebês. Mas a certeza mesmo vem através da ultrassonografia, e geralmente isso acontece a partir da 16ª semana da gestação.

Para os pais que desejam muito saber o sexo das crianças mas não querem esperar pelo ultrassom, existe um exame bem específico chamado Sexagem Fetal.

E apesar de ser um teste muito preciso, especialmente em gestações únicas, muitas gestantes gemelares questionam: Será que a sexagem fetal de gêmeos funciona? 

Ou seja, será que é possível acertar o sexo dos 2 bebês através desse exame?

Para responder esta pergunta, segue uma breve explicação.

Leia também:

O que é sexagem fetal?

Sexagem fetal, é um exame de sangue que pode ser feito em gestantes a partir da 8ª semana de gestação (caso queira descobrir de quantas semanas você está acesse a nossa calculadora da gravidez).

Ele serve justamente para identificar se o bebê será do sexo feminino ou masculino. É considerado um exame não invasivo, uma vez, que é necessário apenas uma pequena amostra de sangue da mãe para fazer o teste.

Não é necessário jejum, muito menos prescrição médica. E pelo fato de não ser um exame de extrema necessidade, tanto o SUS como os convênios médicos não cobrem o valor, sendo necessário fazer no particular.

Seu preço pode varia entre R$ 200,00 ou até mesmo R$ 800 reais, vai depender muito da região do país.

A grande vantagem em se fazer o exame de sexagem fetal, é que não é preciso esperar semanas para fazer um ultrassom que detecte o sexo dos bebês. Além disso, é possível se programar com o enxoval e decoração do quarto com antecedência.

O resultado costuma sair dentro de 5 ou 7 dias, e as chances de acerto ficam em torno de 96%.

Como funciona esse exame?

A sexagem fetal é capaz de detectar a presença de dna dos fetos no plasma da mãe.

Esse exame busca saber se existe a presença do Cromossomo Y no sangue materno. Pois, esse cromossomo é exclusivo do sexo masculino.

Caso o resultado indique a presença do cromossomo Y, significa que o bebê é um menino. Mas se constar ausência do Y, então o bebê será uma menina.

Sexagem fetal de gêmeos – será que funciona?

Quando se trata de gêmeos univitelinos (idênticos), o sexo será o mesmo para os 2 bebês. Pois gêmeos iguais carregam a mesma carga genética. Se o exame acusar presença do cromossomo Y, significa que ambos os gêmeos serão meninos, mas se for ausente para Y indicará 2 meninas. 

Isso significa que para os univitelinos o exame é sim muito preciso, e as chances de acerto são de 96%, assim como na gestação única.

Mas quando os gêmeos são bivitelinos (diferentes ou fraternos), a regra muda um pouquinho. Pois, a presença do cromossomo Y, significa que pelo menos 1 dos bebês será menino, e se constar ausência para o cromossomo Y, significa que serão 2 meninas.

Isso significa que para os bivitelinos o resultado será parcial. Acertando apenas, quando se tratar de 2 meninas. Se for 2 meninos ou 1 casal, o resultado mostrará somente 1 bebê do sexo masculino.

Será que compensa fazer sexagem fetal de gêmeos?

Quando a gravidez for univitelina compensa sim, já que o sexo dos gêmeos será o mesmo.

Mas em gravidez bivitelina, é preciso refletir um pouco. Pois, como dito anteriormente o resultado só é preciso quando se tratar de 2 meninas, do contrário o resultado será parcial. 

Como esse exame tem um custo elevado, e não é de extrema urgência. Talvez neste caso, o ideal seja aguardar para descobrir o sexo dos bebês numa ultrassonografia.

Existe contra indicações nesse exame?

A restrição se dá, caso a gestante tenha sido transplantada ou tenha recebido sangue de doador masculino. Neste caso, a sexagem fetal não é indicada.

Quais são os riscos desse exame?

A sexagem fetal não apresenta riscos nem para mãe nem para os bebês.

Gostou? Então compartilhe este artigo.

Fonte: Minuto Saudável

Créditos da imagem em destaque: Bebê foto criado por freepik 

Deixe seu comentário

Tags: | | |